Image default
Noticias PC Plataformas

Radeon R9 295X2 a nova AMD concorrente da Titan Z

A AMD convidou diversos jornalistas para a sua sede em Austin, Texas para apresentar alguns produtos que a empresa pretende lançar em 2014 e entre esses produtos está a placa de vídeo Radeon R9 295X2 que promete tirar o trono, em termos de potencia, da concorrente da NVIDIA, a Titan Z que apresenta um dos melhores rendimentos em termos de placa de vídeo.

 

Tabela (Fonte: Anandtech)
Tabela (Fonte: Anandtech)

Como é possível notar na tabela de especificações acima feita pelo site AnandTech, ela tem especificações muito superiores as versões precedentes e TOPs de linha da AMD. A placa possui um rendimento gigante e um tamanho equivalente para tanta potencia, incluindo de quebra um sistema de refrigeração liquida já integrado da Asetek para resfriar os GPUs já a RAM e os reguladores são refrigerados tradicionalmente. Essa nova placa irá contar com 12,4 bilhões de transistores, 5.632 stream processors e 352 unidades de textura gerando um poder de computação de 11,5 FLOPS, sendo 3,5 FLOPS mais rápida que a concorrente “NVIDIana” recém lançada, a Titan Z.

A placa poderá suportar até 5 monitores contemporaneamente, sendo possível através das 4 mini display ports + porta DVI disponíveis na parte traseira da placa de vídeo. A AMD diz que essa será a placa perfeita para jogar em 4K ou em monitores múltiplos e quem não usar para isso está desperdiçando potencia, e realmente essa é uma afirmação real, considerando que a placa consome 500W de potencia que são alimentados através de dois conectores PCIe de 8 pinos cada.

Tudo isso irá chegar no mercado americano no dia 21 de abril por US$1.500 (aprox. R$3.300), ou seja, metade do preço da concorrente Titan Z. Você já está pronto para comprar a sua, ou vai esperar o próximo lançamento ?

Comentarios

Noticias Relacionadas

Renault apresenta conceito de carro de formula 1 para 2027

Vinicius Eloy Bailo

Honda apresenta moto que se equilibra sozinha

Vinicius Eloy Bailo

Quem disse que dois objetos não podem ocupar o mesmo espaço estava, em partes, errado!

Vinicius Eloy Bailo