Image default
Noticias Perifericos Reviews

[Review] Headset Skullcandy SLYR

Normalmente quando fazemos reviews de headsets e outros periféricos em geral, procuramos apresentar quais as vantagens e desvantagens de adquirir aquele produto, que na maioria dos casos são produtos de qualidade, mas que não são estritamente necessários para que se possa jogar, ouvir musica,etc com qualidade. Hoje iremos falar de um produto que depois que iniciei a usar, não consigo mais viver sem, o headset gamer Skullcandy SLYR que é projetado para ser usado no Xbox One, mas pode também ser usado com outras plataformas.

PRIMEIRAS IMPRESSÕES

Bem, a caixa do Skullcandy SLYR deixa tudo bem claro, desde o fato que é feito para Xbox One até a cor e o tamanho, mesmo antes de tirar da caixa você já consegue ter uma noção do tamanho e do peso, que na verdade dependendo da sensibilidade que quem pega a caixa, parece que ela está vazia. Os detalhes principais do headset são apresentados de maneira explicita na caixa e imagens de todos os ângulos estão em volta da caixa assim como do adaptador para o controle do Xbox One.

Skullcandy SLYR

Quando você abre a caixa o fone vem preso a um suporte que é facilmente removível, uma das coisas que surpreendeu ao retirar o headset foi o fato de que o fio não é embutido nele, ou seja, você pode usar um cabo auxiliar normal para conectar o headset a muitos outros aparelhos, mas por algum motivo a Skullcandy não decidiu incluir um cabo auxiliar normal e somente o cabo que possui o adaptador na ponta. Um outro fato interessante é que as cores são muito mais bonitas e vivas realmente do que na caixa e um dos detalhes que chama atenção é o contraste dos detalhes verdes com o preto fosco e o preto lucido dos detalhes laterais, assim como a logo da Skullcandy cromada.

SOM

Ao ler sobre o som você pode esperar uma comparação com o headset original do Xbox One,mas seria como comparar o som de um sistema de som McIntosh  com os de caixinhas de som do Paraguay, ou seja, incomparável, mas eu já cheguei a usar outros headsets compatíveis com o Xbox One e o Skullcandy SLYR possui um som superior a maioria deles, todos os tons do áudio são bem definidos e ao jogar jogos cujo os quais você já esta acostumado a jogar, você irá ouvir sons que antes você não ouvia assim como em jogos que possuem musicas de fundo, as musicas ficarão com definição muito melhor e parecerão até mais alta. Os tons agudos e baixos recebem um realce que aumenta o volume e a definição ao mesmo tempo e o som é muito cristalino podendo se comparar até a headsets caros para PC.

Microfone - Skullcandy SLYR

O som do microfone apresenta também uma qualidade superior ao do headset original, não é uma diferença tão grande, mas o bastante para seus amigos notarem a diferença e graças ao material flexivel do microfone, você pode regular a distancia da sua boa, fazendo com que caso você seja uma daquelas pessoas que falam gritando é possível afasta-lo da sua boa e vice-versa. Outro detalhe importante é que graças ao adaptador que vai colocado no controle você consegue controlar o volume do jogo e do chat de voz individualmente fazendo com que caso você precise ouvir mais seus amigos você aumente o volume do chat de jogo e também é possível mudar o volume geral e deixar o microfone no mute.

DESIGN e CONFORTO

O design do fone é um espetáculo a parte, o fone possui curvas suaves e na parte lateral um acrílico transparente da a impressão que uma luz irá acender, mas infelizmente não acende. Outros detalhes interessantes são a própria logo cromada da Skullcandy e a escrita “SLYR” em verde na lateral. Já na parte superior do headset a escrita “Skullcandy” em preto lucido faz contraste com o preto fosco do resto. Ao mesmo tempo que  é discreto, ele chama atenção pelas partes em verde limão que são os detalhes internos e as almofadas, falando em almofadas, as do SLYR são extremamente macias e feitas que um material que isola o som e ao mesmo tempo não são perceptíveis no ouvido, esse é mais um daqueles headsets que você esquece que está usando.

Design - Skullcandy SLYR

Um grande período de uso não faz com que você sinta dores na orelha e sim com que você esqueça que esta usando um headset e com um tempo, ouvir o jogo pela TV irá ser uma experiência estranha e desconfortável. Outro detalhe importante é que o microfone é dobrável, ou seja, enquanto você não está usando-o você pode dobra-lo e fazer com que ele não incomode e também te permite usar ele em outras situações, até mesmo para ouvir musica na rua (com o cabo aux).

 

Galeria 

Skullcandy SLYR

Comentarios

Noticias Relacionadas

Guinnes elege 50 melhor finais de video-games

Vinicius Eloy Bailo

[Review] Memoria RAM – Kingston HyperX 8GB DDR3 1600MHz SODIMM PnP

Vinicius Eloy Bailo

Sony lança 3 novos smartphones que nos próximos dias já estarão a venda